domingo, 27 de setembro de 2009

Exame OAB 2009 - Divulgação de Estatística

Há alguns dias a Ordem dos Advogados do Brasil - OAB e o CESPE-UNB divulgaram o percentual de aprovados por instituição no 1º Exame de Ordem - 2009, detalhando, inclusive, o percentual de acertos por disciplina referente aos candidatos de cada instituição de ensino.
O resultado está no seguinte link: http://www.oab.org.br/examedeOrdem/pdf/RelatorioAcertosIES_09_1.pdf.
Sobre o desempenho dos candidatos o professor Luiz Flávio Gomes escreveu interessante artigo que se encontra disponível no seguinte link: http://www.novacriminologia.com.br/artigos/leiamais/default.asp?id=2557.
Vislumbra-se que os dados divulgados podem fornecer a cada professor (que ministrou aulas aos candidatos que se submeteram ao exame) uma oportunidade de avaliar a forma com que está conduzindo sua disciplina. Acaso seus alunos tenham se saído mal, devem também os respectivos mestres compartilhar com eles o insucesso.
Não se pode mais atribuir apenas ao aluno ou a uma suposta falha do sistema de avaliação os reiterados insucessos de discentes oriundos de determinadas instituições de ensino. É necessário reconhecer que em algumas delas há graves falhas físico-estruturais e/ou simplesmente no processo formal de aprendizagem. Fatores estes que, acaso somados à desmotivação e/ou despreparo de relevante parte dos docentes, conduzem às estatísticas (infelizmente, para algumas instituições, muito negativas) similares à presentemente referida, mas que apenas apresentam uma síntese de todo um contexto.
Afinal, o conhecimento adquirido pelo aluno é o produto final de uma prestação (pública ou privada) de serviço. Acaso o conhecimento transmitido e captado não seja suficiente sequer para uma aprovação em um exame que exige o mínimo de preparo é porquê a prestação de serviço não está sendo de boa qualidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui